Sexta-feira, 27.08.10

Gigante do turismo marítimo mundial - a Princess Cruises - estreia-se em Portimão, com o Ocean Princess.

No ano passado, 51 mil passageiros, deixaram Euros na cidade, e, este ano, prevê-se um incremento de 154%.

Entretanto, a UAC - Associação de Desenvolvimento de Portimão Pró-Comércio, não dorme, nem no Verão, promovendo o escoamento de stocks e monos.

E Albufeira?

A Câmara encheu-nos o céu de balões de marketing, acabando os Albufeirenses, por ser o target de uma publicidade que pagaram, com o IMI e a água a preço de petróleo, e, proporcionaram, a ½ dúzia de quadros autárquicos, baptismos de voo. Quanto custou o evento? Ou, já que, qualquer reclamo, é taxado pela CMA, quanto pagaram a Publibalão e a BP?

E anuncia o investimento de 250 mil Euros em alimentação escolar, que não é mais do que o cumprimento das suas obrigações, no âmbito das competências transferidas do Estado para os Municípios, e pelas quais recebem verbas.

E as Associações de Comerciantes?
Nada. Vão carpindo. Provavelmente, a conspirar chanfanas e barracas com furos para chocolates Regina. Mas já estão na moita, com a pulga atrás da orelha, e prontos para atacar, à espera da luz verde de Desidério, para o novo horário do Continente, que aguarda Despacho.



publicado por rais parta ó miúdo! às 23:00 | link | comentar

últimos

+ Portimão por um canudo

Albufeira não precisa de ...

tags

todas as tags

mais sobre mim